Iansã

Essa calma e certeza pois a estrada é longa

Antes de mim, agora e depois sem delongas

Sopra o assombro, assobia alto, arrupia só

Faz onda, chuva torta, gira e avisa o farol

Leva o guarda sol, o chapéu, voa girassol

Derruba as folhas e apaga o fogo do fogão

E avisa que não somos solos nem no vazio

Amar liberta ares de felicidade e há paz

Seu calor, esses olhares, suas flexibilidades

Que vento brisa e brinda a nossa amizade.

_

Diego Rbor

(Com Eri, Luisa, Naiuri e Ivone. Elus sonham enquanto faço a festa das letras ❤️)

Publicidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s